Noticiais

Maruim – Mosquito Pólvora – Picada – Prevenção e Como Tratar

Maruim ou Mosquito Pólvora ou mosquitinho-do-mangue, popularmente chamado de porvinha e existem 1,4 mil espécies deste mosquito. Ele é tão pequeno que consegue passar pelos protetores de janelas em tela e mede de dois a quatro centímetros. Já estão tão adaptados que os repelentes comuns não conseguem mais afasta-los. Seu nome tem origem no tupi e significa mosca pequena. 

Maruim-Maruim

O Maruim é do gênero Culicoides, Culicoiddes Furens e seus ovos são compridos e curvos semelhantes a uma banana. Seu ovo se abre num período de dois a sete dias. Sua larva se desenvolve em três semanas e para que aconteça sua transformação a larva penetra na lama ou na areia pode ser dentro ou fora da agua. Somente as fêmeas são hematófagas (se alimentam de sangue). O Maruim costuma se desenvolver em matas úmidas ou brejos onde existe matéria orgânica apodrecida e podemos encontra-los em diversos lugares no mundo como no Sul dos Estados Unidos e até na Argentina. Segundo algumas pesquisas acredita-se haver um desequilíbrio na natureza que esta propiciando o aumento deste mosquito, talvez o desequilíbrio climático no planeta já que o calor favorece o aumento dessas espécies de mosquito.

Maruim-pulpa

Algumas aves, anfíbios e repteis se alimentam do Maruim e o frio também colabora com sua extinção. O aumento da quantidade de mosquito também esta ligado ao crescimento da lavoura principalmente em regiões de cultivo de bananas. As fêmeas não se distanciam muito do criadouro e podem viver por até cinquenta dias.

Maruim – Mosquito Pólvora – Picada

Maruim tem uma picada ardente, que pode desencadear uma série de reações alérgicas que em algumas pessoas se transformam em lesões fibrosas como caroços duros e escuros. Maruim-picadaEles são capazes de entrar no meio dos cabelos e pelos e até no meio das roupas para picar causando urticária, uns riscos vermelhos que podem durar por algumas semanas. São transmissores da doença viral conhecida como oropouche que tem sintomas semelhantes a malária e dengue, com manchas na pele, febre, dores de cabeça causando dores nas articulações e músculos mas apesar de todo incomodo a recuperação se da rapidamente não deixando sequelas. Maruim também transmite uma doença com o nome de Língua Azul que atacam ovinos e bovinos. 

Maruim-lingua-azul

No Amazonas foi detectada a mansonelose  causada pelo parasita Mansonella Ozzardi e tem sua maior incidência em fronteiras com a Colômbia e Venezuela. Esta doença também pode ser transmitida pelo Maruim e tem como sintomas dor de cabeça, pernas frias, os gânglios ficam inflamados e febres altas e ao extremo pode levar ao coma. A mansonelose só pode ser confirmada através de análise de sangue feito em laminas.

Maruim – Mosquito Pólvora – Prevenção

Abaixo medidas para combater mosquitos:

  • Evite deixar  água parada.
  • Quando puder , esvazie e escove paredes internas de recipientes que juntam água.
  • Mantenha completamente fechadas suas cisternas, caixas d'água e reservatórios provisórios como tambores e barris.
  • Fure os pneus velhos e guarde em local protegido das chuvas.
  • Guardar latas e garrafas de cabeça para baixo, evitando de acumular água.
  • Limpe de tempo em tempo, calhas dos telhados, marquises e rebaixos de banheiros e cozinhas, não permitindo a retenção de água.
  • Jogue periodicamente desinfetante em ralos externos das edificações e nos internos que são pouco utilizados.
  • Drene os terrenos que criem formação de poças.
  • Não junte latas, pneus e garrafas.
  • Coloque areia ou pó de pedra em poços inativos ou buracos no terreno.
  • Mantenha as fossas sépticas conservadas e em perfeito funcionamento.
  • Em lagos ou grande quantidade de agua como charcos ou lagos, onde não é possível fazer uso da drenagem coloque peixes barrigudinhos.
  • Nunca jogue lixo em valas, valetas, margens de córregos e riachos para que permaneçam desobstruídos.
  • Subsolos e garagens devem permanecer secos.
  • Evite cultivar em casa plantas aquáticas.

Maruim – Mosquito Pólvora – Como Tratar

Procure lidar com a picada imediatamente. Aqui indicaremos alguns tratamentos para evitar a coceira e a inflamação da picada.

Use bicarbonato de sódio com água morna, coloque uma colher de sopa em ½ litro de água. Aplique calmamente na área picada. Deixe alguns minutos e depois lave.

Maruim-Bicarbonato

Vinagre de suco de maçã também ajuda bastante molhe bastante um algodão com o vinagre e coloque na picada do mosquito deixe por alguns minutos até que a dor passe.

Faça uma pasta com vinagre de mação e farinha de milho coloque esta pasta sobre a picada deixe até secar a coceira será aliviada se quiser use uma fita adesiva ou bandagem para manter a pasta no lugar por mais tempo.

Maruim-Vinagre

Caso você esteja perto do mar mergulhe a área picada na agua salgada ou então encha uma banheira com agua quente e sal o efeito é igual.

Maruim-Mar

Coloque sobre a pele um pano aquecido em agua bem quente. Aperte sobre a picada até que formigue, faça isso por duas vezes isso fara com que seus nervos se confundam e a coceira pare por horas. Na verdade o calor faz que a histamina uma proteína que o corpo usa para combater inflamação seja liberada e circule por toda a pele onde esta a picada.

Agua e leite se colocados juntos diminuem o inchaço e a coceira. Coloque em um lenço e aplique sobre a pele.

Milk

Milk

No caso de uma reação mais forte a picada acabou ficando com um aspecto de catapora  use um creme antialérgico com maleato de dexclorfeniramina. Faça uso de analgésicos ou corticosteróide para aliviar a dor e a coceira.

Maruim-Antihistaminico

Se apesar de todos seu cuidado a picada se transformar em uma infecção até mesmo pelo fato de coça-la procure auxilio de um médico o mais rápido possível.

Agradecemos sua visita em nosso site.

Gostou desta matéria?

Deixe seu comentário.

Print Friendly, PDF & Email
Últimas Pesquisas:
  • mosquito polvora
  • mosquito polvora sintomas
  • mosquito porvinha
  • maruim mosquito
  • picada de maruim
  • porvinha
  • mosquito maruim
  • mosquito polvora picada
  • mosquito polvora alergia
  • mosquito polvora combate

Comente Via FaceBook

Comentários

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.