Diversos

Asma Em Cães – Causas e Tratamento

Asma Em Cães assim como nos seres humanos causa muito desconforto ao animal e ele precisa receber o tratamento adequado para que possa ter qualidade de vida. Caso não receba a atenção necessária sua saúde pode piorar principalmente se viver em centros urbanos e locais que haja muita poluição no ar.

Causas de Asma Em Cães

Quando o cachorro tem asma que é um problema respiratório quando se manifesta dificulta a respiração do animal. Contato com fumaça de cigarro, poeira, cheiro de tinta ou qualquer outro componente do tipo podem repentinamente provocar episódios de asma nos cães. Nos caninos, a doença também recebe o nome de bronquite crônica e é um mal que não é muito comum nestes animais. Ao respirar substâncias tóxicas, as vias aéreas do cão ficam parcialmente ou completamente bloqueadas com muco, desta maneira os canais de respiração entram em espasmos, restringindo a respiração. É importante que o dono saiba como agir em casos de emergência porque as crises muito graves de asma podem levar o pet à morte em poucos instantes.

Alguns dos sinais de que o cão esteja com sua respiração entrando em colapso são as tosses secas que podem se transformar em chiados, presentes principalmente quando o animal exala o ar. Em casos mais graves de asma, os cães costumam ter uma respiração mais acelerada e difícil, isso pode vir acompanhado de movimentos intensos no abdômen como uma forma que o pet tenta para conseguir mais ar e suprir as necessidades do organismo. Sua boca pode ficar aberta muito tempo e em alguns casos sua língua e a gengiva podem ficar roxas, justamente pela falta de oxigênio.

Tratamento de Asma Em Cães

Seja qual for a causa que provocou a crise de asma no cão a primeira atitude a ser tomada é retirar o animal do ambiente onde estava e leva-lo para um lugar fresco e ventilado. Procure por um lugar calmo, pois desta forma o seu cão fiara menos agitado já que alguns lugares podem acelerar o seu metabolismo e forçá-lo a respirar mais.

Se o cachorro ficar inconsciente a sua respiração poderá ficar ainda mais comprometida. Nesse momento, o dono precisa ser rápido e ajudar o cãozinho à voltar a respirar e se for necessário fazer uma respiração artificial. Feche a boca do pet e dê duas sopradas nas cavidades nasais. Observe se o peito do paciente inflamou sozinho, caso não haja resposta, continue as sopradas alternando de 15 a 20 por minutos, com uma pressão delicada no peito. Enquanto faz isso, procure auxílio imediatamente de um veterinário.

A melhor forma de tratar animais asmáticos é a prevenção e não esperar que sua saúde piore. Utilizando os remédios receitados especialmente por um veterinário. Mesmo que a crise de asma seja leve, à procura por atendimento médico se faz necessária e de forma imediata. Procure também descobrir o que está causando o problema e tentar evitar que o seu cão entre em contato com esse elemento.

Agradecemos a visita em nosso site. Procuramos trazer sempre o melhor para você. Gostou da matéria! Seu cão é um amigo querido que deve ser tratado com carinho e respeito! Deixe seu comentário.

Print Friendly, PDF & Email

Comente Via FaceBook

Comentários

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.